segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Provérbios Modernos

- A pressa é inimiga da conexão.
- Amigos, amigos; senhas à parte.
- A arquivo dado não se olha o formato.
- Diga-me o seu perfil no Orkut e te direi quem és.
- Para bom provedor uma senha basta.
- Não adianta chorar sobre arquivo deletado.
- Em briga de namorados virtuais não se mete o mouse.
- Hacker que ladra, não morde.
- Mais vale um arquivo no HD do que dois baixando.
- Mouse sujo se limpa em casa.
- Melhor prevenir do que formatar.
- Quando a esmola é demais, o santo desconfia que tem vírus anexado.
- Quem um 486 ama, um Pentium 4 lhe aparece.
- Quem clica seus males multiplica.
- Quem com vírus infecta, com vírus será infectado.
- Quem envia o que quer, recebe o que não quer.
- Quem não tem banda larga, caça com modem.
- Quem nunca errou, que aperte a primeira tecla.
- Quem semeia e-mails, colhe spams.
- Quem tem dedo vai a Roma.com
- Um é pouco, dois é Messenger, três é Chat.
- Vão-se os arquivos, ficam os back-ups.
- Pão, pão! Queijo, queijo! Humor Tadela, Humor Tadela! - Diga-me que
computador tens e direi quem és.
- Há dois tipos de pessoas na informática. Os que perderam o HD e os que
ainda vão perder.
- Na informática, nada se cria, tudo se copia... e depois, se cola.
- Quando um não quer, dois não teclam.

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

VOCÊ VALE OURO!



Amigo é coisa pra se guardar...

Um filho pergunta à mãe:
- Mãe, posso ir ao hospital ver meu amigo? Ele está doente!
- Claro, mas o que ele tem?
O filho, com a cabeça baixa, diz:
- Tumor no cérebro.
A mãe, furiosa, diz:
-E você quer ir lá para quê? Vê-lo morrer?
O filho lhe dá as costas e vai...
Horas depois ele volta vermelho de tanto chorar, dizendo:
- Ai mãe, foi tão horrível, ele morreu na minha frente!
A mãe, com raiva:
- E agora?! Tá feliz?! Valeu a pena ter visto aquela cena?!
Uma última lágrima cai de seus olhos e, acompanhado de um sorriso, ele diz:
- Muito, pois cheguei a tempo de vê-lo sorrir e dizer:

- EU TINHA CERTEZA QUE VOCÊ VINHA!

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Você tem paixão ou vício pelo seu trabalho? (Fonte: Zero Hora – Por Maria Amélia Vargas)

Você tem paixão (worklover) ou vício (workaholic) pelo seu trabalho?

Para muitos profissionais, jornadas de trabalho longas são associadas ao prazer pelo que se faz. Alguns chegam empolgados para desempenhar seu trabalho na segunda-feira, extrapolam o expediente, mas conseguem manter o entusiasmo até sexta-feira. Outros ultrapassam a carga horária mínima por carregar consigo a obsessão pela produtividade. Uma linha tênue divide estes dois profissionais extremamente envolvidos em suas funções, e esse limite diferencia o PRAZER da COMPULSÃO!

E se o nosso planeta Terra fosse uma cidade pequena com 100 habitantes.

Uma release de uma reportagem da Planeta Voluntários, a maior rede social de voluntários e ONGs do Brasil.

E se o nosso planeta Terra fosse reduzido a uma cidade pequena com 100 habitantes, qual seria a nossa posição neste pequeno mundo?

Clique nas imagens para ampliá-las...





Poderíamos refletir que:

Quando olha para o mundo nessa perspectiva, consegue perceber a real necessidade de solidariedade, compreensão e educação?

Esta manhã, se acordar com saúde, então é mais feliz do que 1 milhão de pessoas que não vão sobreviver até ao final da próxima semana.

Se nunca sofrer os efeitos da guerra, a solidão de uma cela, a agonia da tortura, ou fome, então é mais feliz do que outros 500 milhões de pessoas do mundo.

Se pode entrar numa igreja (ou Mesquita) sem medo de ser preso ou morto, é mais feliz do que outros 3 milhões de pessoas do mundo.

Se tem comida na geladeira, tem sapatos e roupa, tem uma cama e teto, é mais rico do que 75% das outras pessoas do mundo.

Se tem uma conta bancária, dinheiro na carteira e algumas moedas num moedeiro, pertence ao pequeno grupo de 8% de pessoas do mundo que estão bem na vida.

Se está lendo esta mensagem, é triplamente abençoado, pois:

Alguém lembrou-se de você.
Não faz parte do grupo de 780 milhões de pessoas que não sabem ler.
E tem um computador!

Fonte

Quando o sucesso incomoda.

No folclore popular e em determinadas culturas observamos rituais religiosos, simpatias e superstições baseadas na crença popular de que alguns sentimentos, especialmente os mais hostis, estão diretamente ligados às tragédias e as dificuldades na vida de algumas pessoas.



A inveja, por exemplo, é um dos sentimentos mais combatidos neste sentido. Porém, há que se estabelecer uma diferença importante entre a inveja sob o ponto de vista danoso e a inveja sob o ponto de vista da admiração e do aprendizado mútuo.

Quando o sucesso de uma pessoa passa a incomodar a outra é sinal de que, infelizmente, este “mal-estar” resultará num sofrimento emocional ainda maior (quanto mais o outro se destaca, mais o “incomodado” sofre com isso).

A pessoa que se incomoda com o sucesso alheio geralmente traz consigo um sentimento de menos-valia provocado por uma baixa auto-estima. Ou seja: se engana a parcela da população que pensa que quem inveja está causando um “mal terrível” ao invejado.

Na verdade, quem se incomoda mais com o sucesso alheio produz em si mesmo um sofrimento tão grande que – para alguns – a única forma de aliviar a “dor de cotovelo” é pensar e agir em prol da diminuição do sucesso do outro. Esta tentativa consiste, na fantasia da pessoa, em minimizar suas próprias dificuldades na medida em que a diferença causada pelo sucesso do outro diminui e, este, se nivela ou se torna mais “parecido” com a “vítima”.

Porém, geralmente, as pessoas de sucesso não se importam com isso. Os grandes empreendedores não encontram nesta atitude algum obstáculo para interromper seu percurso de sucesso. E por mais que o “outro” tente criar dificuldades, no final, quem sai mesmo perdendo a chance que poderia ter de encontrar uma feliz referência, um modelo a seguir ou, quem sabe, uma parceria de sucesso, é realmente quem se importou ou se incomodou com o sucesso alheio.

Sigmund Freud, o pai da Psicanálise, costumava tratar este aspecto através dos conceitos da pulsão de vida e de morte, afirmando que estas pulsões estão dentro de cada um. Temos, contudo, o livre-arbítrio para fazer – de preferência – uma escolha adequada. E esta escolha (pulsão de vida) implica em aprender a admirar o sucesso alheio e compartilhar as conquistas na coletividade. Do contrário, poder-se-á amargar o próprio fracasso.

Fonte

APRENDA A PECHINCHAR EM SETE LIÇÕES

Ter cara de pau, coragem não importa o que manda é você não perder dinheiro nas suas compras.

1ª lição – Pesquisar muito para saber qual é o melhor preço e de similar no mercado.
2ª lição – Mostrar o interesse em adquirir o bem.
3ª lição – Colocar alguns defeitinhos para justificar o desconto.
4ª lição – Fazer uma contraproposta a partir do preço dado pelo vendedor.
5ª lição - Chamar o gerente para a conversa caso o vendedor não alcance um bom preço.
6ª lição – Vencer o vendedor pelo cansaço.
7ª lição – Se não houver acordo, blefar.

(fonte: Denyse Godoy)

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Viver ou juntar dinheiro (Max Gehringer)?

Há determinadas mensagens que, de tão interessantes, não precisam nem sequer de comentários. Como esta, que recebi certa vez.

Abre aspas. Li em uma revista um artigo no qual jovens executivos davam receitas simples e práticas para qualquer um ficar rico. Aprendi, por exemplo, que se tivesse simplesmente deixado de tomar um cafezinho por dia, nos últimos quarenta anos, teria economizado 30 mil reais. Se tivesse deixado de comer uma pizza por mês, 12 mil reais. E assim por diante. Impressionado, peguei um papel e comecei a fazer contas. Para minha surpresa, descobri que hoje poderia estar milionário. Bastaria não ter tomado as caipirinhas que tomei, não ter feito muitas das viagens que fiz, não ter comprado algumas das roupas caras que comprei. Principalmente, não ter desperdiçado meu dinheiro em itens supérfluos e descartáveis. Ao concluir os cálculos, percebi que hoje poderia ter quase 500 mil reais na conta bancária. É claro que não tenho esse dinheiro. Mas, se tivesse, sabe o que esse dinheiro me permitiria fazer? Viajar, comprar roupas caras, me esbaldar em itens supérfluos e descartáveis, comer todas as pizzas que quisesse e tomar cafezinhos à vontade. Por isso, me sinto muito feliz em ser pobre. Gastei meu dinheiro com prazer e por prazer. E recomendo aos jovens e brilhantes executivos que façam a mesma coisa que fiz. Caso contrário, chegarão aos 61 anos com uma montanha de dinheiro, mas sem ter vivido a vida. Fecha aspas.

Curiosidade Legal

Combinação alfanumérica/UF das Placas de Veículos do Brasil

AAA 0001 a BEZ 9999 Paraná (PR)
BFA 0001 a GKI 9999 São Paulo (SP)
GKJ 0001 a HOK 9999 Minas Gerais (MG)
HOL 0001 a HQE 9999 Maranhão (MA)
HQF 0001 a HTW 9999 Mato Grosso do Sul (MS)
HTX 0001 a HZA 9999 Ceará (CE)
HZB 0001 a IAP 9999 Sergipe (SE)
IAQ 0001 a JDO 9999 Rio Grande do Sul (RS)
JDP 0001 a JKR 9999 Distrito Federal (DF)
JKS 0001 a JSZ 9999 Bahia (BA)
JTA 0001 a JWE 9999 Pará (PA)
JWF 0001 a JXY 9999 Amazonas (AM)
JXZ 0001 a KAU 9999 Mato Grosso (MT)
KAV 0001 a KFC 9999 Goiás (GO)
KFD 0001 a KME 9999 Pernambuco (PE)
KMF 0001 a LVE 9999 Rio de Janeiro (RJ)
LVF 0001 a LWQ 9999 Piauí (PI)
LWR 0001 a MMM 9999 Santa Catarina (SC)
MMN 0001 a MOW 9999 Paraíba (PB)
MOX 0001 a MTZ 9999 Espírito Santo (ES)
MUA 0001 a MVK 9999 Alagoas (AL)
MVL 0001 a MXG 9999 Tocantins (TO)
MXH 0001 a MZM 9999 Rio Grande do Norte (RN)
MZN 0001 a NAG 9999 Acre (AC)
NAH 0001 a NBA 9999 Roraima (RR)
NBB 0001 a NEH 9999 Rondônia (RO)
NEI 0001 a NFB 9999 Amapá (AP)
NFC 0001 a NGZ 9999 Goiás (GO) 2ª sequência
NHA 0001 a NHT 9999 Maranhão (MA) 2ª sequência
NHU 0001 a NIX 9999 Piauí (PI) 2ª sequência
NIY 0001 a NJW 9999 Mato Grosso (MT) 2ª sequência
NJX 0001 a NLU 9999 Goiás (GO) 3ª sequência
NLV 0001 a NMN 9999 Alagoas (AL) 2ª sequência
NMO 0001 a NNI 9999 Maranhão (MA) 3ª sequência
NNJ 0001 a NNX 9999 Rio Grande do Norte (RN) 2ª sequência
NNY 0001 a NOH 9999 Paraíba (PB) 2ª sequência
NOI 0001 a NPB 9999 Amazonas (AM) 2ª sequência
NPC 0001 a NPQ 9999 Mato Grosso (MT) 3ª sequência
NPR 0001 a NQK 9999 Paraíba (PB) 3ª sequência
NQL 0001 a NRE 9999 Ceará (CE) 2ª sequência
NRF 0001 a NSD 9999 Mato Grosso do Sul (MS) 2ª sequência
NSE 0001 a NTC 9999 Pará (PA) 2ª sequência
NTD 0001 a NTX 9999 Bahia (BA) 2ª sequência
NTY 0001 a NUL 9999 Mato Grosso (MT) 4ª sequência
NUM 0001 a NVF 9999 Ceará (CE) 3ª sequência
NVG 0001 a NVN 9999 Alagoas (AL) 3ª sequência
NVO 0001 a NWR 9999 Goiás (GO) 4ª sequência
NWS 0001 a ZZZ 9999 Sequências ainda não distribuídas

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Prefeitura Municipal de Caxambu: CAXAMBU VENCE MAIS UMA NA TAÇA EPTV

: "A equipe de Futsal de Caxambu venceu agora a noite no Ginásio Jorge Curi em Caxambu mais uma partida da Taça EPTV. A vitória foi sobre a e..."

Prefeitura Municipal de Caxambu: Caxambuenses brilham nos Jogos Escolares de Minas ...

Prefeitura Municipal de Caxambu: Caxambuenses brilham nos Jogos Escolares de Minas ...: "O evento foi realizado em Montes Claros do dia 09 a 14 de Agosto de 2010  e contou com presença de todos os atletas de ponta de nosso estado..."

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Poema DA MENTE

Affonso Romano de Sant`Anna

Há um presidente que mente,
Mente de corpo e alma, completa/mente.

E mente de maneira tão pungente
Que a gente acha que ele mente sincera/mente,
Mais que mente, sobretudo, impune/mente...

Indecente/mente.
E mente tão nacional/mente,
Que acha que mentindo história afora,
Vai nos enganar eterna/mente.

Post de #200

Sei que pouquíssimas pessoas acessam meu Blog. Como desde o princípio o objetivo aqui é publicar material que eu acho interessante e que sirva como uma fonte de pesquisa para mim, obviamente para outras pessoas também. Este é o post de nº 200. Não podia deixar passar em branco e dizer que continuarei a publicar essas bobagens ehehehe.

Abraços a todos.

Pisteiros: Morro de Caxambu

Com aproximadamente 1090m de altitude e a 186m acima do Parque, o Morro de Caxambu proporciona uma deslumbrante vista da cidade e arredores. É possível avistar também a cidade de Baependi e as serras próximas. Para se chegar ao topo existem três opções: de carro, a pé, ou de teleférico. Lá funcionam uma lanchonete e lojas de artesanato e souvenirs. Em seu cone superior o Morro de Caxambu abriga ainda a estátua do Redentor (1961) com 15m de altura e o Cruzeiro (1929).


Veja mais fotos como esta em Pisteiros.com.br

Demorou mas chegou.



Não sei se vai virar uma Tradição eheheh, publicar as fotos da geada aqui no blog. Mas vou publicar as deste ano também. A geada demorou pra chegar em 2010 mas enfim veio, 17 de agosto de 2010. Post do Frio em 2009.

Eu adoro!!! Me faz lembrar quando eu passava férias na fazenda da Tia Zi, a noite colocávamos um prato com água no muro para ele congelar durante a noite e bem cedinho a gente (todos os primos) saíamos para ver o geadão. E depois tomávamos um delicioso café da manhã feito no fogão a lenha.

Já não se faz geadas como antigamente mas é muito gostoso relembrar...




Fotos do Bairro São Cristovão em Baependi


segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Visita ao Morro de Caxambu


Neste sábado, depois do almoço fizemos uma coisa que a muito queríamos fazer, mas por que não sei, nunca havíamos feito.

Por mais incrível que pareça em 3 anos juntos nunca tínhamos ido ao Morro de Caxambu.

Acho que deixamos pra ir de moto por ser muito mais gostoso.

Olhas as fotos aí:





quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Cinco minutos na natureza deixam a família de bom humor

Essa é a conclusão de um estudo britânico. Saiba mais e confira dicas para aproveitar com seu filho.



É apenas desse tempo que você precisa para melhorar a saúde, aumentar a autoestima e deixar a família toda de bom humor. Segundo um novo estudo britânico, fazer atividades em contato com a natureza por, no mínimo, cinco minutos garante todos esses benefícios. E não precisa ser apenas exercícios físicos. Vale qualquer atividade ao ar livre - jeito gostoso de cuidar da saúde, não é mesmo? Aproveite e confira 3 atividades para fazer com as crianças ao ar livre:

-->Pratique jardinagem. E morar em apartamento não é desculpa, já que você pode ter plantas na sacada do apartamento. As crianças podem ajudar você a plantar uma muda e depois regá-lo com água. Deixe que elas coloquem a mão na terra!

-->Prepare o lanche da tarde no jardim.

-->Levem o cachorro para passear, nem que seja só para dar uma volta no quarteirão. Se for em um parque, melhor ainda.

Fonte

Hoje tem Chuva de Meteoros

A chuva de meteoros conhecida como Perseid acontece todos os anos no mês de agosto. Nesse período o planeta Terra é atingido pelos detritos deixados pela cauda do cometa Swift-Tuttle e formam um grande espetáculo no céu.

E esse espetáculo acontece porque alguns desses detritos do cometa acabam sendo atraídos pela força da gravidade da Terra e se queimam em nossa atmosfera, gerando a visualização.

Nesse ano de 2010 a chuva de meteoros promete ser a melhor de todas, no ano passado alguns relatos de observadores contaram mais de 280 avistamentos em somente uma hora e dessa vez será melhor ainda! Quer dizer, não vai faltar oportunidade para fazer pedidos

Uma boa forma de acompanhar a chuva e se informar é através do site http://meteorwatch.org/ que além dos posts também possui Twitter que está na página deles.

Veja o vídeo de apresentação deles que ficou muito legal!



Fonte

Mais informações

Copa do Mundo em Caxambu



Galera vamos relaxar e parar com hipocrisia... o Vídeo é muito legal... Todos sabemos que os caras não foram na Fonte Viotti ou Leopoldina e se embriagaram...

Nos shows e eventos da cidade esses caras fazem um espetáculo a parte...

Muito legal o video parabéns....

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Pão Caseiro



Adoro pães!!! Esse parece ser bem fácil de fazer. Vou pedir pro Meu Amor fazer pra mim.

Pão Caseiro
Receita enviada por Maria Aparecida Gonçales

Ingredientes

4 ovos
1/2 copo (125 ml) de óleo
4 colheres (sopa) açúcar
1 colher (sopa) rasa de sal
2 1/2 colheres(sopa) de fermento instantâneo
2 copos (500 ml) de leite morno
1 kg de farinha

Modo de Preparo

. Bata no liquidificador os ovos, o óleo,açúcar e o sal
. Dissolva em 1/2 copo de leite morno o fermento e acrescente ao liquidificador juntamente com o restante do leite
. Bata ligeiramente
. Em uma bacia coloque toda farinha, faça um buraco e coloque o líquido do liquidificador
. Incorpore a farinha ao líquido até formar uma massa mole e pegajosa
. Deixe crescer até dobrar de volume
. Unte a bancada onde vai fazer os pães com óleo, assim como as assadeiras
. Faça os pães, deixe crescer novamente
. Uma faça uma bolinha de massa e coloque num copo de água fria
. Quando a bolinha subir, o pão já está crescido
. Ligue o forno
. Passe gema de ovo sobre os pães e leve pra assar

Informações Adicionais

Não acrescente mais farinha que sua massa ficará dura.
A quantidade de pães vai depender do tamanho, assim como o tempo de cozimento.

Sugestões:

. Esses pães podem ser feitos pequenos e recheados com presunto e queijo, salsicha, frango desfiado.
. Os pães depois de assados ainda quente corte e passe manteiga e sirva com um café fresquinho.

Fonte

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Pisteiros


Veja mais fotos como esta em Pisteiros.com.br

Primeira pequena Viagem



Ontem dia 08 de Agosto de 2010, fizemos nossa primeira pequena viagem de moto.

Saímos por volta de 10 horas da manhã de Caxambu, rumo a cidade vizinha de São Lourenço que fica a apenas 30 km de distância.



Todo mês de agosto acontece a famosa festa de Agosto e fomos lá fazer umas comprinhas...

No caminho, depois da cidade de Soledade de Minas olha com quem nos deparamos:



A cidade é famosa por seu parque com suas águas minerais gasosas...





Antes de voltarmos fizemos um lanchinho incrível na lanchonete do Japonês, abastecemos e viemos embora felizes da vida, antes paramos para tirar umas fotinhas:





Espero que seja a primeira de muitas...

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Como Poupar

1 – Defina objetivos importantes

Defina objetivos e trace planos que façam valer a pena os sacrifícios. Poupar nada mais é do que isso: sacrificar o consumo presente para colher um melhor desfrute no futuro. Quanto mais forte for seu desejo, menor será seu sacrifício.

2 – Faça poupança de maneira simples

Existe uma infinidade de técnicas, táticas e recomendações para se economizar dinheiro. Escolha as regras mais simples e os percentuais mais cômodos. Pense bastante antes de escolher suas táticas. Uma vez escolhidas, parta para cima e assuma o completo domínio da situação. Não adote nenhuma tática que você não domine e restrinja os limites de poupança àqueles que você acredita que pode cumprir, ainda que com algum sacrifício.

3 – Seja disciplinado

Pouco adiantará economizar no almoço e gastar no jantar. Ao final do dia você não terá poupado nada. Se você está disposto a atingir algum objetivo financeiro, saiba que precisará de tempo e disciplina. Escolha regras e parâmetros simples que sejam fáceis de serem acompanhados e seja fiel a eles.

4 – Pague-se no primeiro dia

Não espere o final do mês para ver o quanto sobrará. A hora certa de separar o dinheiro para a poupança é no momento que você recebe. Seja qual for o valor ou percentual estabelecido, separe imediatamente aquela parte para seus investimentos, como se você não tivesse recebido aquele valor.

5 – Resista às tentações

Não permita que o dinheiro economizado seja desperdiçado. Evite mexer nas reservas para atender impulsos de consumo. Existem três fatores importantes para viabilizar o acúmulo de riquezas: o capital, a taxa de juros e o tempo. Não há dúvidas que o tempo é o mais importante. Não interrompa investimentos antes da hora, e não deixe de fazer os aportes de recursos planejados. Saiba que juntar R$ 100 ao mês por vinte anos resulta um montante maior do que juntar R$ 400,00 por dez anos, ou R$ 1.000 por cinco anos, considerando uma mesma taxa de juros. E convenhamos que é bem mais fácil separar algum dinheirinho todos os meses do que uma grande soma perto de quando você vai precisar.

Fonte

Mesada na volta às aulas

Aproveitamos o período de volta às aulas para abordar e esclarecer uma das dúvidas mais frequentes de pais e mães sobre educação financeira: a mesada pode/deve ser vinculada ao desempenho escolar?

A resposta simples e direta é NÃO. Mas vamos analisar e entender o porquê dessa resposta.

Primeiro, gostaria de registrar que essa posição é praticamente um consenso entre quase a totalidade dos especialistas em educação financeira infantil. Coisa rara. Em diversos fóruns, na literatura ou em conversas informais praticamente não há divergências sobre esse posicionamento.

O pagamento da mesada não deve ser vinculado ao desempenho escolar porque isso poderia contribuir para o desenvolvimento de uma personalidade mercenária nas crianças.

Também não é recomendável porque alguns pais poderiam confundir as coisas e tentar compensar eventual falta de comprometimento com o ensino dos filhos por meio de estímulo financeiro às crianças. Pais e filhos sairiam perdendo.

Um bom desempenho escolar, ou pelo menos comprometimento da criança para que isso aconteça é uma obrigação. E não deve depender de estímulo financeiro para isso. Os pais devem dar atenção, ajuda, livros, apoio. Mas não dinheiro.

A mesada, por outro lado, é uma iniciativa voluntária dos pais. Não é uma obrigação. Pelo menos não até que se comprometam com isso. Mas não deve ser apresentada como remuneração em troca disso ou daquilo. É um instrumento de educação financeira que serve para as crianças vivenciarem experiências que lhes serão úteis para a vida toda. E também para que criem um certo grau de independência. Inclusive nos aspectos financeiros.

Um dos riscos de vincular o pagamento ou o valor da mesada ao desempenho escolar é a possibilidade de as crianças manipularem as notas. Deixarem cair propositalmente em algum momento para depois negociar com os pais, em troca de dinheiro, a elevação ou a manutenção das notas. E isso pode se repetir muitas vezes, sempre que a criança quiser mais dinheiro. Há crianças que são mestres em manipular os pais. Imagine se forem remuneradas por isso.

Mesada não é remuneração por desempenho escolar. Nem por bom comportamento. Também não é salário. Não é prêmio. Não é isca. Nem mesmo instrumento de controle sobre os filhos.

A mesada é um instrumento de educação financeira que deve ser aplicado com inteligência, com sensibilidade e com responsabilidade. É um instrumento que dá oportunidade aos filhos, mas que não desonera os pais do compromisso de orientarem os filhos sobre questões financeiras. E de acompanharem o uso do dinheiro de maneira adequada.

Se a mesada não estiver sendo bem usada, não culpe apenas seus filhos. Reflita.

Álvaro Modernell
Mais Ativos Educação Financeira
www.maisativos.com.br

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Você usa as panelas adequadas à sua família, confira a seguir importantes informações a respeito.

Depois que o leite materno deixa de ser a principal fonte de alimento, as panelas passam a fazer parte da vida de qualquer mortal.



Mesmo sendo objeto indispensável no preparo de alimentos, ele não recebe tratamento à altura de sua importância. Tirando quem é da área, como cozinheiros, gourmets e nutricionistas, poucos se preocupam. Mas o cuidado deveria chegar a todos.

Existem componentes nas panelas que fazem mal à saúde e podem passar para o alimento na hora do preparo. "Nós, consumidores, estamos expostos a vários tipos de contaminação ambiental, que inclui água, alimentos e também panelas. Os efeitos negativos provêm de quase todos os materiais'', adverte Jaime Amaya-Farfan, bioquímico e cientista de alimento da Universidade de Campinas (Unicamp).

Segundo ele, a maioria dos materiais são considerados não-tóxicos e, a curto prazo, não trazem dano à saúde. ''O problema é que quando chega a produzir efeito a pessoa não sabe de onde veio'', explica.

A nutricionista Késia Diego Quintaes, da Faculdade de Engenharia de Alimentos da Unicamp, resolveu desvendar a relação das panelas com a saúde.

O resultado da pesquisa estará no livro Por Dentro das Panelas, com lançamento previsto para o ano que vem. Os estudos dela começaram com uma tese de mestrado sobre panelas de pedra-sabão.

Agora, ela faz doutorado para relacionar a contribuição nutricional dos utensílios de ferro e de pedra-sabão com a saúde e a qualidade das panelas de inox nacionais.

Na hora de escolher a panela é preciso observar três qualidades: a saúde, a praticidade e a funcionalidade. ''Deve-se levar em consideração se as pessoas que irão consumir os alimentos preparados nesses utensílios têm carências nutricionais, alergias ou outras patologias'', ensina Késia.
As panelas de ferro, por exemplo, são indicadas para famílias com carência de ferro. Esse tipo de panela deve ser reservada para o preparo de ensopados, refogados e molhos. No caso de frituras, seu uso é desaconselhável, por favorecer a deterioração do óleo.

Pessoas com insuficiência renal crônica devem evitar panelas de alumínio. As de aço inox devem ser evitadas por pessoas alérgicas ou que tenham sensibilidade ao níquel.

Segundo Késia, utensílios de cobre sem revestimento devem ser evitados sempre. ''Jamais usar utensílios fabricados com propósito decorativo no preparo e estocagem de alimentos'', adverte.

A chefe de cozinha do Palácio do Planalto, Roberta Sudbrak, acredita que para escolher uma panela é preciso levar em consideração a saúde, mas também a aparência, a durabilidade e a praticidade. ''A panela de inox reúne todas essas qualidades'', diz.

Em casa, as preferidas de Roberta são as de pedra-sabão. ''Elas retêm muito calor e deixam os alimentos com sabor de comida caseira'', ensina. Segundo ela, o ideal é usar a mesma panela para o preparo exclusivo de feijão, outra para arroz e outra para ensopado. ''Porque quanto mais a panela é usada, mais ela absorve o sabor que fica impregnado na parede."

Além de ter cuidado na hora de comprar, também é preciso saber utilizar e manusear as panelas. O inimigo número um da saúde são esponjas de aço - popularmente conhecidas pela marca Bom Bril.

O atrito da esponja na panela aumenta as chances de materiais como alumínio passarem para os alimentos.

O ideal é deixar as panelas de molho ou usar água quente.

Panela esquecida no fogo é outro grande perigo. O alumínio e o teflon, por exemplo, evaporam. ''Se a pessoa estiver perto da panela pode absorver o vapor do alumínio, que vai direto para o pulmão'', explica Amaya-Farfan.

Além de existir estudos que comprovam a liberação de substancias tóxicas cancerígenas caso o teflon seja colocado no fogo sem algum liquido ou alimento.

Escolha a panela certa!



COBRE
A grande vantagem do cobre é ser um metal mais resistente à corrosão. Na culinária, conquista pela beleza e transmissão rápida de calor de forma homogênea.

''Mas o cobre migra para qualquer alimento que entre em contato, especialmente os mais ácidos'', explica a nutricionista Késia Quintaes. Segundo ela, pequenas quantidades deste metal podem produzir náuseas, vômitos e diarréia.

Já a ingestão contínua de quantidades maiores de cobre pode causar dano renal, alterações osteoarticulares, dores nas juntas e até lesões cerebrais, demonstradas em tomografia computadorizada.

Por isso, os utensílios culinários devem ter a superfície interna revestida com politetrafluoretileno (PTFE), titânio ou aço inoxidável.

ALUMÍNIO
As panelas de alumínio são as mais comuns e as mais baratas. Mas também são as que causam mais polêmica. Há três décadas, pesquisadores levantaram a suspeita de que a ingestão do alumínio estaria relacionada com a incidência dos males de Alzheimer e de Parkinson.

Até hoje, o material continua em estudo. ''Entretanto, há mais de 50 anos foi verificada a migração do alumínio dos utensílios culinários para alimentos ácidos ou alcalinos'', diz Késia.

Segundo ela, ficou comprovado que átomos de alumínio podem desencadear diferentes processos metabólicos associado à doenças do sistema esquelético, neurológico e hematológico (do sangue).

Pesquisas mostram que a migração do alumínio é maior em panelas de pressão do que em panelas normais ou em fôrmas de bolo.

Na limpeza é indicado o uso de bucha macia ao invés de esponja de aço. ''Quando o material é polido, há remoção da camada de óxido de alumínio, que dificultava a passagem de alumínio para a comida'', explica Jaime Amaya-Farfan, bioquímico e cientista de alimento da Universidade de Campinas (Unicamp).

INOX
É a mais usada na cozinha profissional. ''Por ter fundo triplo, atinge altas temperaturas mais rapidamente, além de ser uma panela resistente e de aparência bonita'', explica Roberta Sudbrak, chefe de cozinha do Palácio do Planalto.

O aço inoxidável, conhecido popularmente como inox, é composto por ferro, cromo e níquel. Demora a esquentar, mas também a esfriar.

No Brasil não há dados que comprovem a transferência dos componentes do inox para a comida.

O aconselhável é não escovar a panela com esponja de aço. No polimento forma-se uma camada protetora de óxido que ajuda a impedir que os metais passem para os alimentos.

''O níquel em pequenas quantidades pode até ser útil ao organismo, mas o excesso tende a afetar o sistema nervoso'', explica Amaya-Farfan.

FERRO
É ideal para grelhados de filé e peito de frango e também para a saúde. Os panelões de ferro, de cor escura e muito pesados, são bastante tradicionais em Minas Gerais.

O uso regular destes panelões foi relacionado com a prevenção e ao tratamento da anemia. ''Muito antes que a ciência pudesse comprovar a eficácia deste procedimento'', afirma Késia. O uso da panela é também indicado para vegetarianos, mulheres em idade fértil e crianças.

VIDRO
As panelas de vidro são as únicas que não transferem qualquer resíduo para a comida. O material é obtido por um processo de congelamento de líquidos superaquecidos.

O maior atrativo do vidro é a beleza e a transparência que permite ver o processo de elaboração dos alimentos. A facilidade da limpeza é outro ponto positivo. Mas o preço e fragilidade do material pesam na escolha.

Para Roberta, a panela é pouco prática, deixa a comida com gosto artificial e não dá um dourado bonito na fritura de carnes. ''Além disso, queima a mão. Também não é possível ter controle da comida porque ela retém calor de forma esquisita - de baixo para cima'', reclama.

CERÂMICAS
As panelas de cerâmica, principalmente as de barro com superfície marrom brilhante, devem ter selo de qualidade que garanta que não são usados compostos à base de chumbo.

É comum encontrar em países pouco desenvolvidos produtos cerâmicos elaborados com óxido de chumbo na vitrificação. O chumbo é facilmente dissolvido no alimento, especialmente os ácidos.

Saladas, frutas ácidas ou fermentados em contato com esse material podem ficar contaminados com componentes pesados como chumbo, mercúrio e cádmio. A intoxicação por cádmio traz problemas respiratórios, bronquite e hipertensão.

O organismo incorpora o chumbo que é altamente tóxico, especialmente em crianças. ''O chumbo se deposita no osso em grandes quantidades como se fosse cálcio, o que produz um envenenamento generalizado'', explica Amaya-Farfan.

Os danos são diminuição da capacidade mental. ''A criança se torna incapaz de compreender as matérias na escola.

Também não consegue dormir à noite porque escuta barulho no intestino. Nesse caso é necessária intervenção médica'', diz. Nos adultos o chumbo provoca anemia.

Os sintomas aparecem em crianças, após um ano de uso da panela; em adultos, quatro anos. O ideal são panelas de barro ou de cerâmicas ofuscadas.

TEFLON
O composto antiaderente atrai cozinheiros pela praticidade na limpeza e por ser dispensável o uso de gordura.

A descoberta de um revestimento antiaderente em 1938 chegou às cozinhas americanas na década de 60 e provocou uma revolução de conceito de panela prática.

Atualmente, as panelas mais modernas são denominadas de teflon II por serem revestidas com primer (substância usada para ligar o teflon ao alumínio).

O novo revestimento impede que o material passe para o alimento quando o teflon descasca. A maior preocupação com a panela é ecológica.

Pesquisadores da Universidade de Toronto, no Canadá, descobriram que o teflon se corrompe quando esquentado a temperaturas de 200 a 500 graus centígrados.

''O que pode acontecer com uma panela esquecida no fogo'', explica Amaya-Farfan. A evaporação do teflon origina gases CFC, responsáveis pela destruição da camada de ozônio.

ESMALTADA
As panelas esmaltadas atraem pela beleza, mas podem fazer tão mal quanto às de cerâmica vitrificada.

''O esmalte usado pode conter elementos tóxicos como o chumbo e os decalques na superfície interna, os quais podem conter cádmio '', adverte Késia.

É desaconselhável o uso de utensílios antigos (fabricados antes de 1980) tanto esmaltados quanto os de cerâmica.

A pesquisadora também diz que é preciso ter cuidado com utensílios pintados à mão, que vão desde colheres, facas, recipientes culinários, entre outros.

Algumas tintas são à base de chumbo, que pode ser transferido para o alimento. É desaconselhável o uso de utensílios antigos, de antes de 1980 - tanto esmaltados quanto de cerâmica.

PEDRA-SABÃO
A natureza antiaderente e a capacidade de reter calor por muito tempo são as características mais atrativas.

Segundo Késia, esse utensílio libera quantidades expressivas de elementos nutricionalmente importantes como cálcio, magnésio, ferro e manganês.

A panela é comprada ''crua'', por isso a cor dela é clara. É um utensílio que libera quantidades expressivas de elementos nutricionalmente importantes, como cálcio, magnésio, ferro e manganês.

(Correio Brasiliense)

Fonte